terça-feira, 10 de dezembro de 2019

Apresentação pública do projeto de transfiguração do edifício da Casa do Povo da Longra


Casa do Povo da Longra - projeto de remodelação

Foi apresentada na passada sexta feira, dia 6 de dezembro, o projeto de remodelação e reconstrução do edifício sede da Casa do Povo da Longra. O projeto, de autoria do arquiteto Fernando Coelho, será implementado numa área de 800 metros quadrados, e terá um custo a rondar os 500 mil euros.
Para além da alteração da fachada, está previsto no projeto a remodelação do interior do edifício. “A sala não tem licença de utilização nem plano de autoproteção contra incêndios. Por esses motivos, encontra-se fechada há cerca de um ano, e assim irá continuar enquanto não forem efetuadas as obras de remodelação”, disse Adão Coelho, presidente da direção da Casa do Povo da Longra, referindo que as obras “permitirão melhorar as condições para a prática das atividades culturais que atualmente a Casa do Povo já desenvolve, bem como avançar para novos projetos, como o teatro e a dança”.
Casa do Povo da Longra Adão Coelho
Este projeto de remodelação é fundamental para a prossecução das atividades da Casa do Povo, permitindo também dotar a vila da Longra de um equipamento cultural digno. “É essencial que pessoas e entidades colaborem com este projeto”, sublinhou Adão Coelho, pois será necessária “a ajuda de todos: da direção e órgãos sociais da Casa do Povo, da Câmara, da colaboração do comércio e indústria locais e da população em geral”, concluiu.
A direção da Casa do Povo da Longra irá agora avançar com o trabalho de recolha de fundos e apoios junto de instituições públicas e privadas, que permitam implementar o projeto agora apresentado e, consequentemente, dar continuidade ao trabalho desenvolvido pela associação.
A Casa do Povo da Longra, fundada em 1939, é uma das mais antigas e emblemáticas instituições no concelho de Felgueiras. Envolve, atualmente, mais de 120 agentes culturais, crianças dos 5 aos 18 anos.

(Texto e imagens do blogue "Felgueiras Magazine")

Nenhum comentário:

Postar um comentário